segunda-feira, 1 de novembro de 2021

RONE, BOPE e TÁTICO - tentando - há meses combater crimes em Parnaíba

 

Para população, crimes diminuíram, mas nada significante. A sensação de insegurança só aumentou. 

Há pelo menos 02 dois meses o parnaibano assistiu à chegada de reforço policial, diversas viaturas mostravam a bravura do que viria a ser o combate ao crime organizado. Nada muito significativo aconteceu desde então, e os homicídios e assaltos corriqueiros continuaram.

 

Nas últimas semanas pelo menos 7 execuções, todas com ligações diretas ou indiretas às facções que se instalaram, não só em Parnaíba mas todo o litoral. Os roubos a motos continuam; assaltos e tiroteios se intensificaram e as facções seguem demarcando territórios nos bairros de Parnaíba. Isso demonstra, não uma ineficácia das polícias, mas as próprias forças de segurança subestimaram o poder dos criminosos e subestimaram o próprio poder no Estado. 

Nenhum comentário:

Postar um comentário