terça-feira, 28 de setembro de 2021

ATENÇÃO: 152 CASOS DE MALÁRIA NO PIAUÍ REASCENDEM ALERTA

 

O Piauí tem 20 casos de malária confirmados e 152 suspeitos nas cidades de Joaquim Pires, Amarante e Miguel Alves. A coordenadora de Epidemiologia da Secretaria de Saúde do Estado do Piauí (Sesapi), Amélia Costa, destacou o crescimento de casos de malária no Piauí, tornando o estado uma área endêmica da doença. Parnaíba também deve ascender o estado de alerta,  já que em 2015 houve registros de malária na cidade litorânea.

 

"No ano de 2020 nós tivemos 23 casos notificados de malária, já em 2021 estamos com 152. Então, é um crescimento exagerado. Desse modo, precisamos de um incremento não só estadual e municipal, mas sim em nível nacional", destacou.

A vice-presidente do Conselho de Secretarias Municipais de Saúde do Piauí (Cosems-PI), Leopoldina Cipriano, informou as secretarias municipais de saúde estão realizando ações, como borrifação das casas, busca ativa e monitoramento dos pacientes. 

 

Malária

Malária é uma doença infecciosa febril aguda transmitida pela picada da fêmea do mosquito Anopheles, infectada pelo microrganismo Plasmodium. A malária não é uma doença contagiosa, ou seja, uma pessoa doente não é capaz de transmitir a doença diretamente a outra pessoa.

Os sintomas mais comuns são: calafrios, febre alta, dores de cabeça e musculares, taquicardia, aumento do baço e alucinações. Nos casos mais graves, a pessoa infectada desenvolve a malária cerebral, que pode levar à morte.

 

 

Nenhum comentário:

Postar um comentário